Vale a pena assistir “O Homem do Jazz”?

Geórgia, 1947. À trilha do legítimo som do blues, Bayou (Joshua Boone) e Leanne (Solea Pfieffer) são proibidos de viver um romance apaixonante. Em meio ao drama familiar, anos se passam e cada um segue a própria vida. Ele tornou-se um cantor de sucesso. Ela, cansou-se a força com outro homem. O amor, contudo, não morreu. E, assim, o sentimento pode levá-los à grandes consequências em O Homem do Jazz, novo filme disponível no catálogo da Netflix.

Trailer O Homem do Jazz

Vale a pena assistir ao Homem do Jazz?

O Homem do Jazz chegou ao catálogo da Netflix há poucos dias. Com direção e roteiro de Tyler Perry, o longa-metragem evidencia uma história de amor em meio ao preconceito, mas estabelecido pela beleza da música. Portanto, confira os motivos pelos quais assistir ao filme:

Preconceito e música

O Homem do Jazz mergulha em uma trama sobre amor. Contudo, não dos mais felizes. A relação de Bayou e Leanne, embora verdadeira e intensa, precisa ser interrompida por causa de racismo. Os parentes de Leanne, de origem branca, não permitem que a jovem mantenha relações com um homem negro.

Assim, a partir deste ponto, ambos seguem novos rumos para a própria vida. Bayou consolida-se como uma grande sensação da música e da dança. Por outro lado, Leanne amarga um casamento em que se viu obrigada a estar. Em meio ao caos, a trilha sonora de O Homem do Jazz resgata um espaço clássico da sonoridade dos anos 1950. A música, aqui, atua como memória cuja intenção explora a cultura de famílias negras dos Estados Unidos.

Produção e elenco

A produção e o elenco de O Homem do Jazz também contam como ponto alto. Tyler Perry, como diretor e roteirista, e Tsedy Gebeyehu, produtor, formaram um grupo de artistas que representam de forma posititiva os papéis. Portanto, a dupla de protagonistas, Joshua Boone e Solea Pfieffer, envolvem e comovem o espectador.

Por fim, o elenco completo conta com Amirah Vann, Austin Scott, Milauna Jemai Jackson, Brent Antonello, Brad Benedict, Kario Marcel, Lana Young e Ryan Eggold. O Homem do Jazz está disponível no catálogo da Netflix.

Acompanhe a gente no Google News. Além disso, convidamos você a nos seguir nas redes sociais Twitter, e Instagram para ficar por dentro de tudo que rola no mundo das séries e filmes.