Supacell: O que é a Anemia Falciforme retratada na série?

A série da Netflix “Supacell” vem conquistando o público com sua trama original e personagens cativantes. Mas o que torna a série ainda mais especial é a forma como ela aborda um tema importante: a anemia falciforme.

Na série, acompanhamos um grupo de jovens negros que descobrem ter superpoderes extraordinários. Unidos, eles usam seus dons para enfrentar desafios e proteger seus entes queridos. Um dos aspectos mais marcantes da série é a forma como os poderes dos personagens estão ligados à anemia falciforme, uma doença genética que afeta as células sanguíneas.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

Anemia Falciforme: uma doença real com repercussões ficcionais

A anemia falciforme é uma doença hereditária que causa deformidades nas células sanguíneas, dificultando o transporte de oxigênio pelo corpo. Isso pode levar a diversos problemas de saúde, como dor crônica, fadiga, infecções e até mesmo derrames.

Na série, os poderes dos personagens são ativados por uma mutação genética da anemia falciforme. Essa abordagem criativa da doença não apenas contribui para o enredo, como também ajuda a conscientizar o público sobre a realidade da anemia falciforme.

Olhos Amarelos: um sinal de poder e doença

Um dos efeitos colaterais da anemia falciforme é a icterícia, que causa o amarelamento da pele e dos olhos. Na série, esse sintoma se manifesta nos personagens quando seus poderes estão ativos, servindo como um lembrete visual da doença e da fonte de seus poderes.

“Supacell” não se limita a entreter o público. A série também tem um papel importante na conscientização sobre a anemia falciforme, uma doença que ainda é pouco conhecida por muitos. Ao retratar personagens fortes e heroicos que vivem com essa condição, a série ajuda a combater o estigma e empoderar as pessoas que são afetadas pela doença.

O diretor da série, Rapman, expressou seu desejo de usar “Supacell” para dar voz às pessoas que vivem com anemia falciforme e para aumentar a compreensão sobre a doença. Ele espera que a série possa inspirar e empoderar quem convive com essa condição.

Com sua trama envolvente, personagens cativantes e mensagem importante, “Supacell” se destaca como uma série original e reflexiva. A série nos convida a conhecer um pouco mais sobre a realidade da anemia falciforme, ao mesmo tempo que nos diverte com uma história cheia de ação e superpoderes.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.