O Sacrifício de Rhaenys Targaryen na 2ª Temporada de House of the Dragon

A 2ª temporada de House of the Dragon, episódio 4, traz uma reviravolta significativa com Rhaenys Targaryen, influenciada por vários fatores em sua decisão crucial. O final de “A Dance of Dragons” apresenta a Batalha de Rook’s Rest, onde Ser Criston Cole lidera a força de infantaria dos Verdes pela costa, tentando bloquear Dragonstone e Driftmark do continente de Westeros.

Ao fazer isso, ele atrai a facção Negra de Rhaenyra a enviar um cavaleiro de dragão para deter a força invasora, permitindo que Aemond Targaryen e seu dragão Vhagar ataquem. No final, o plano de Cole funciona, embora não sem perdas.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

A Batalha de Rook’s Rest: Rhaenys e Meleys vs. Aemond e Vhagar

Entre os muitos dragões em House of the Dragon, Vhagar é indiscutivelmente o maior e mais experiente. No entanto, ele enfrenta Rhaenys Targaryen e seu dragão, Meleys. Rhaenys e Meleys estão unidos há mais tempo do que qualquer outro cavaleiro e dragão vivos durante a Dança dos Dragões, e eles enfrentam uma boa luta contra o muito maior Vhagar.

Aegon II e Sunfyre surpreendem todos ao entrar no conflito, e Rhaenys e Meleys conseguem danificar seriamente o dragão dourado do rei quase imediatamente.

A Morte de Rhaenys: Explicação e Motivações

A morte de Rhaenys Targaryen pode ter sido um choque para o público, perdendo um membro-chave do elenco de personagens de House of the Dragon no meio da temporada. O aspecto mais chocante, talvez, é que, após o confronto inicial com Aegon e Sunfyre, Rhaenys tem a oportunidade de sobreviver, com o Senhor dos Sete Reinos ferido e possivelmente morto. Mas ela se vira e enfrenta Aemond e Vhagar novamente, aparentemente resignada ao seu destino.

Rhaenys Arrisca Tudo para Tentar Acabar com a Guerra

Rhaenys sabe que Vhagar é um dragão muito maior que Meleys, mas ela decide correr o risco. Essa decisão pode ter sido tomada com a intenção de acabar essencialmente com a guerra, já que eliminar Vhagar destruiria os Verdes.

No entanto, a decisão de Rhaenys também parece ter um elemento de resignação e auto-sacrifício. Rhaenys pode ver para onde a guerra está indo e considerar melhor tentar acabar com o conflito ali, ou pelo menos encerrar sua participação nele.

A Morte de Rhaenys no Livro

House of the Dragon é baseada no livro Fire & Blood de George R.R. Martin, mas toma liberdades criativas ao decidir os detalhes menores, mantendo-se fiel aos eventos mais significativos. A morte de Rhaenys é um desses eventos, e acontece de maneira relativamente similar nos romances.

Na Batalha de Rook’s Rest, ela e Meleys são emboscados por Aemond e Aegon com seus dragões, e ela derruba Aegon antes de cair. Isso também fazia parte do plano de Criston Cole nos livros, embora haja algumas diferenças na configuração.

Alterações na Série

As mudanças em relação ao livro continuam a se acumular na 2ª temporada, episódio 4, à medida que a Batalha de Rook’s Rest altera o papel de Aegon. No livro, ele faz parte do plano de Cole e Aemond para pegar o cavaleiro de dragão dos Negros de surpresa, enquanto na série de TV, ele age por conta própria, querendo provar a si mesmo.

A decisão de Aemond de trair Aegon também é totalmente original da série e altera drasticamente como a batalha se desenrola. Se não fosse por Rhaenys voltar para lutar contra Aemond, poderia ter sido uma vitória retumbante para o lado de Rhaenyra.

Implicações da Morte de Rhaenys para House of the Dragon

A morte de Rhaenys tem implicações maiores para House of the Dragon além da perda de um membro principal do elenco. É um grande golpe para os Negros, que perdem um de seus cavaleiros de dragão mais poderosos, provavelmente levando-os a acolher novos cavaleiros para tentar reivindicar os dragões indomados em Dragonstone e Driftmark.

Em termos do conselho de Rhaenyra, ela perde uma de suas defensoras mais ávidas, o que gera divisões entre ela e Corlys Velaryon, o marido de Rhaenys. Rhaenys foi quem trouxe a Casa Velaryon para os Negros, afinal.

Corlys tem sido cético em relação a Rhaenyra e Daemon desde a 1ª temporada, mas ficará ainda mais assim com a perda de sua esposa. Ele culpará a inação de Rhaenyra pela morte de Rhaenys, levando a conflitos internos entre os Negros. Será fascinante ver para onde Corlys vai em House of the Dragon daqui para frente, já que suas decisões podem ser decisivas para a guerra.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.