“Ripley” Consolida Andrew Scott como o Ator Infalível no Rotten Tomatoes

A nova série “Ripley” vem recebendo críticas entusiasmadas, estendendo a sequência impressionante de sucessos de Andrew Scott. O ator, conhecido por “Sherlock” e “Fleabag“, parece ter o toque de Midas quando se trata de escolher seus projetos.

Criada pelo aclamado roteirista Steven Zaillian (“A Lista de Schindler”), “Ripley” é a mais recente adaptação para as telas do icônico vigarista Tom Ripley, de Patricia Highsmith. Apesar do sucesso do filme “O Talentoso Ripley” (1998), a minissérie da Netflix mergulha novamente no romance original, oferecendo uma visão inovadora. Com uma estética noir em preto e branco, “Ripley” promete ser um thriller psicológico de tirar o fôlego.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

O segredo do sucesso de Andrew Scott

Enquanto todo o elenco de “Ripley” possui currículos invejáveis, é a estrela principal que vem chamando atenção. Scott tem um talento singular para escolher projetos que agradem tanto o público quanto a crítica especializada. Sua carreira iniciou ainda aos 17 anos, passando por filmes independentes e produções irlandesas, mas foi na última década que o ator se tornou um nome de peso em Hollywood.

Com “Ripley” alcançando 94% de aprovação no Rotten Tomatoes, Andrew Scott agora acumula 18 projetos consecutivos com avaliação positiva no agregador de críticas. É um feito notável, demonstrando que o ator praticamente não erra em suas escolhas nos últimos anos. Entre seus sucessos recentes estão “1917”, “Black Mirror” e “His Dark Materials“, provando sua versatilidade.

Versatilidade é a chave de Ripley

Scott transita com desenvoltura entre dramas de época, como “The Pursuit of Love“, e produções de gênero, como “A Dark Place“. Não há um tema específico conectando todos os seus trabalhos, o que permite ao ator explorar uma vasta gama de personagens e demonstrar seu talento camaleônico.

Em 2015, sua participação em “Victor Frankenstein” representou uma mancha em seu histórico. O filme, estrelado por James McAvoy e Daniel Radcliffe, foi um fracasso de crítica e bilheteria, sendo criticado pelo roteiro fraco e falta de originalidade. No entanto, isso não abalou a reputação de Scott a longo prazo.

Por que “Ripley” é tão elogiada?

A atuação de Scott como o complexo e sedutor Tom Ripley é crucial para o sucesso de “Ripley“. Os críticos ressaltam sua performance magnética, digna de um vilão hitchcockiano.

Além disso, Dakota Fanning e Johnny Flynn também brilham, e as mudanças feitas em relação ao livro são consideradas positivas. A fotografia em preto e branco e o formato de minissérie contribuem para uma atmosfera única, diferenciando-se da elogiada adaptação de 1998.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.