Ripley: A Escolha Ousada do Preto e Branco na Série da Netflix

A minissérie “Ripley“, lançada recentemente na Netflix, se destaca por sua estética singular em preto e branco. Essa escolha, longe de ser aleatória, foi cuidadosamente tomada para alcançar diversos objetivos específicos.

“Ripley” é uma adaptação do renomado romance de 1955 “O Talentoso Sr. Ripley“, escrito por Patricia Highsmith. A história gira em torno de Thomas Ripley (Andrew Scott), um vigarista que viaja para a Itália para convencer um amigo rico, Dickie Greenleaf (Johnny Flynn), a retornar para casa.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

Ripley e a Fidelidade ao material original

Steven Zallian, roteirista e diretor da minissérie, optou pelo preto e branco para criar uma adaptação extremamente fiel ao romance de Highsmith. Essa escolha contrasta com outras adaptações da obra, que optaram por uma estética mais colorida.

O preto e branco contribui para a atmosfera sombria e perturbadora da minissérie. A escolha intensifica a sensação de suspense e ambiguidade moral que permeia a história.

A estética em preto e branco também é uma homenagem ao período em que a história se passa, o início dos anos 1960. Essa escolha ajuda a transportar o público para a época em que o romance foi escrito.

O preto e branco também evoca o estilo dos filmes noir clássicos, como “Relíquia Macabra” e “Pacto de Sangue”. Essa referência reforça o clima de suspense e paranoia que permeia a minissérie.

A escolha do preto e branco cria uma composição visual interessante, explorando os contrastes entre tons de cinza e preto. A textura granulada da imagem também contribui para a atmosfera sombria da série.

A minissérie “Ripley” demonstra como o preto e branco pode ser utilizado de forma moderna e eficaz. As câmeras digitais modernas permitem capturar mais detalhes em diferentes tons de cinza, criando uma imagem rica e textured.

A escolha do preto e branco na minissérie “Ripley” foi uma decisão corajosa e acertada. Essa estética contribui para a fidelidade ao material original, cria uma atmosfera sombria e perturbadora, e homenageia o período em que a história se passa. O resultado é um visual único e impactante que torna “Ripley” uma produção memorável.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.