Pânico 6: Melissa Barrera reflete sobre o adeus a Sam Carpenter

Melissa Barrera, estrela de Pânico 6, compartilhou sua opinião sobre o filme se tornar o capítulo final de Sam Carpenter na saga. Dirigido por Tyler Gillet e Matt Bettinelli-Olpin, o sexto filme da franquia Pânico traz Sam e Tara (Jenna Ortega) sendo caçadas por Ghostface na cidade de Nova York.

O filme foi um sucesso de bilheteria, e a produção de Pânico 7 já havia sido confirmada. No entanto, em novembro passado, Barrera foi desligada do elenco devido a postagens anti-semitas nas redes sociais a respeito do conflito entre Israel e Hamas. Isso significa que o público provavelmente já viu a personagem pela última vez.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

O que Melissa Barrera acha do fim de Sam?

Em entrevista recente à Collider, Barrera comentou sobre o final de Pânico 6 como o desfecho da personagem na franquia. A atriz revelou estar feliz com o destino de Sam, e que seu contrato inicial era para apenas dois filmes. Confira o que ela disse:

“Eu sinto que o final de [Pânico VI] foi muito bom, então não estou pensando ‘Ugh, me deixaram na mão’. Não, acho que os fãs estavam querendo um terceiro filme para continuar aquele arco, e aparentemente, o plano era uma trilogia, mesmo que eu só tivesse contrato para dois filmes.”

“Então, eu fiz meus dois filmes e estou bem. Estou satisfeita. Eu fiz dois – isso é mais do que a maioria consegue. Quando uma série de TV é cancelada, você não pode ficar remoendo, tem que seguir em frente. É a natureza da indústria também. Fico animada para o próximo trabalho, para a próxima personagem que vou interpretar. É empolgante criar alguém diferente.”

“Então, sim, eu me sinto bem. Eu fiz o que me propus a fazer. Sempre foram para ser dois filmes para mim, porque esse era o meu contrato, e então está tudo certo.”

Como Pânico 7 lidará com a ausência de Sam?

O Pânico de 2022 serviu como um reboot suave para a franquia, e o sexto filme repetiu o sucesso de bilheteria. Embora Sam e Tara tenham se tornado os novos rostos da saga, nenhuma das personagens retornará.

Pouco depois da demissão de Barrera, foi noticiado que Jenna Ortega havia se afastado silenciosamente do projeto meses antes, devido a uma combinação de conflitos de agenda e disputa salarial. Sendo assim, Pânico 7 pode, mais uma vez, funcionar como uma espécie de soft reboot.

Retorno de Sidney Prescott e possível foco nos personagens originais

O retorno de Neve Campbell como a protagonista original da franquia, Sidney Prescott, acaba de ser confirmado em um post recente no Instagram. Há rumores também de que Courteney Cox esteja em negociações para reprisar o papel de Gale Weathers, outra personagem original. Com a ausência de Sam e Tara, é possível que outros membros do elenco de Pânico 6, como Jasmin Savoy Brown e Mason Gooding, também não estejam no próximo filme. Já que os personagens originais devem assumir o centro das atenções novamente, Pânico 7 pode acabar se parecendo mais com um dos quatro primeiros filmes.

No sexto filme, Gale explicou a ausência de Sidney em basicamente uma linha, revelando que ela havia levado sua família para um local seguro devido à decisão de Neve Campbell de não retornar por uma questão de salário. É possível que o próximo filme explique a ausência de Sam e Tara da mesma forma, com algum diálogo indicando que elas se mudaram para outra parte do país para começar uma nova vida. Resta saber como a próxima sequência se sairá após o sucesso de Pânico 6, mas Barrera claramente está feliz com o final da história de Sam.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.