O Corvo: Diretor do filme original critica remake e fala sobre morte de Brandon Lee

30 anos após o lançamento do clássico cult “O Corvo“, um remake do thriller de super-herói sobrenatural está em produção, dirigido por Rupert Sanders e estrelado por Bill Skarsgård. No entanto, o diretor do filme original de 1994, Alex Proyas, não está contente com a ideia.

Em suma, em um post no Facebook, Proyas expressou sua desaprovação:

“Eu realmente não me alegro em ver a negatividade sobre o trabalho de qualquer colega cineasta. Tenho certeza de que o elenco e a equipe realmente queriam, como todos nós temos em qualquer filme. Portanto, eu quero dizer mais sobre esse assunto, mas acho que a resposta dos fãs diz muito. [O Corvo] não é apenas um filme. Brandon Lee morreu ao produzi-lo, e ele foi concluído como um testemunho de seu brilho perdido e de sua trágica perda. É o seu legado. É assim que deve permanecer.”

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

A morte de Brandon Lee no set de filmagem

Lee, filho do lendário artista marcial Bruce Lee, faleceu aos 28 anos durante as filmagens de “O Corvo“. Uma bala cenográfica o atingiu acidentalmente. E assim, o filme, sobre um músico que retorna dos mortos para se vingar de seus assassinos, precisou de dublês e efeitos visuais para ser finalizado.

Em suma, “O Corvo” se tornou um grande sucesso de crítica e público. A morte de Lee gerou um debate sobre a necessidade de medidas de segurança mais rígidas nos sets de filmagem de Hollywood.

O novo “O Corvo”: enredo e elenco

No remake, Bill Skarsgård interpreta Eric Draven, que retorna dos mortos para buscar vingança contra seus assassinos. FKA Twigs interpreta Shelly Webster, sua amada.

O roteiro é de Zach Baylin, indicado ao Oscar por “King Richard“, e a direção é de Rupert Sanders (“Branca de Neve e o Caçador”). O filme também conta com Danny Huston, Laura Birn, Sami Bouajila e Jordan Bolger no elenco. O visual de Bill Skarsgård como o Corvo gerou polêmica, com algumas pessoas comparando-o ao Coringa de Jared Leto.

O remake de “O Corvo” levanta questões sobre a necessidade de revisitar clássicos cultuados e o impacto da morte de Brandon Lee na produção original. Por fim, o filme de 1994 permanece como um legado importante para o ator e para o gênero de filmes de super-heróis.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.