BOMBA: Netflix remove recurso de assistir offline (download)

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Após tomar uma posição forte contra a ideia de implementar anúncios em seu serviço, os executivos da Netflix inverteram essas intenções. Agora, eles defendem um plano de assinatura que deve fornecer uma opção mais barata para o público de streaming, em um futuro próximo.

O conceito de interrupções de anúncios durante as sessões da Netflix pode ser inadmissível para alguns usuários. Entretanto, para outros, deve disponibilizar o acesso às pessoas que hoje não tem acesso. Dito isto, parece que a taxa mais barata virá com uma desvantagem adicional que aparentemente não foi abordada anteriormente durante os anúncios anteriores da empresa.

O que a Netflix vai remover do plano mais acessível?

Foi confirmado no início de 2022 que as assinaturas baseadas em anúncios da Netflix não permitiriam acesso a toda a sua biblioteca de conteúdo, com algumas séries e filmes originais sendo exclusivos para planos sem anúncios. E parece que haverá mais limitações para aqueles que optarem pela opção mais barata, de acordo com a Bloomberg.

É dito isso, pois os clientes não conseguirão baixar filmes e séries offline da maneira que todos os assinantes atualmente podem. Essa opção ainda estará disponível aos planos sem anúncios. A atualização foi descoberta no código do app para iPhone da Netflix. Como a introdução do novo plano não está prevista para acontecer até 2023, é possível que a gigante reverta o curso da ideia.

Porém, faz sentido pois ao assistir algo offline, a Netflix não pode divulgar as propagandas. Além disso, o código da Netflix indica que os espectadores não serão autorizados a pular quaisquer anúncios, e todos os controles de reprodução serão inutilizáveis durante os comerciais.

Isso é menos um retrocesso do que uma expectativa, no entanto. E a esse respeito, a Netflix também está seguindo em linha com o HBO Max, onde planos suportados por anúncios também não permitem conteúdo para download.

Removidos Netflix em Setembro de 2022

Por que a Netflix escolheria adicionar fatores limitantes adicionais para planos baseados em anúncios? É uma tática destinada a convencer esses clientes a atualizar para a versão livre de comerciais. O plano atual da Netflix para a programação 4K é de R$ 55,90 por mês.

Portanto, presume-se que seu plano mais barato será um grande sucesso em todo o mundo, particularmente em áreas onde o acesso ao entretenimento online é mais luxo do que a segunda natureza.