Dead City: Negan retorna às origens violentas em derivada

O segundo episódio de The Walking Dead: Dead City resgatou as origens violentas de Negan (Jeffrey Dean Morgan). O personagem precisou reagir quando os homens do Croata, vilão da trama, invadiram um edifício ocupado por rebeldes.

Lembro-me de quando li o roteiro e aquela cena, liguei para [o showrunner Eli Jorné] e pensei, ‘Ah, graças a Deus’“, disse Jeffrey Dean Morgan a Entertainment Weekly. Em suma, o ator aprovou a decisão em trazer o lado brutal de Negan de volta.

O primeiro episódio de ‘Dead City’ foi ao ar no 18 de junho. Até agora, a série conta com dois episódios. O programa, contudo, não está disponível ao público aqui do Brasil. Ao menos por ora, a AMC ainda não anunciou a exibição da série para os brasileiros.

Em suma, The Walking Dead: Dead City é a primeira a expandir as aventuras dos personagens centrais da franquia. Na trama, Maggie viaja a Nova York para tentar resgatar o filho mais novo, Hershel, das mãos de um inimigo até então desconhecido. A ex-líder de Hilltop une-se ao seu maior algoz da franquia, Negan, por novas jornadas que devem apresentar riscos humanos e hordas de zumbis.

Jeffrey Dean Morgan comemora lado violento de Negan em Dead City

The Walking Dead: Dead City fez Jeffrey Dean Morgan relembrar como era interpretar Negan nos primeiros episódios da série original. Para derrotar o inimigo, ele agarrou um dos membros do grupo rival e protagonizou uma verdadeira cena de brutalidade.

Algo que pode ter chocado o público, mas não ao ator que interpreta o papel. Para Dean Morgan, Negan precisava demonstrar o lado sombrio que deixou para trás em The Walking Dead. Em entrevista a Entertainment Weekly, a estrela de Dead City revelou ficar feliz pela decisão criativa da série.

Não importa o que tentemos fazer de forma redentora com esse personagem, Negan é Negan“, argumentou ele.

Além disso, Dean Morgan ainda explicou que pede o retorno das raízes violentas de Negan há anos. Contudo, a produção de The Walking Dead não enxergava nenhuma oportunidade para resgatar o passado do personagem.

“Vejo isso há anos e, no entanto, nunca tivemos a chance de ver Negan ser Negan novamente. Então, essa oportunidade de fazer isso de novo e trazer o showman e o cara que não tem medo de jogar sangue foi uma alegria para mim como ator”. concluiu Dean Morgan.

Para os próximos episódios, a regressão de Negan deve ser um ponto a mais de complexidade para a relação ao lado de Maggie. Os próximos episódio de The Walking Dead: Dead City estreia aos domingos nos Estados Unidos, mas sem previsão de lançamento para o Brasil.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.