Vale a pena assistir à série Olhar Indiscreto da Netflix?

Olhar Indiscreto chegou ao catálogo da Netflix no primeiro dia de 2023. Com uma trama de mistérios e cenas íntimas, a minissérie conta com Débora Nascimento no elenco. Na trama, a atriz interpreta uma voyeur que passa a correr risco de vida depois de entrar em um triangulo amoroso. Além de Débora, a minissérie também conta com Emanuelle Araujo como Cléo (Emanuelle Araújo).

Em entrevista para um grupo de jornalistas, Emanuelle revelou o que impulsiona o desejo de cada personagem em Olhar Indiscreto.

“O desejo sexual, no fundo, é o impulsionador da gente, né?”, disse Emanuelle. “Não o ato sexual, mas o desejo por alguém, o desejo por realizar algo. Então, o desejo também está presente dando o estímulo para o espectador [seguir os episódios]”.

Abaixo, assista ao trailer oficial da trama.

+ Quer assistir HBO Max e a plataforma Paramount+ de graça por até 1 mês?  e aproveite!

O que esperar de Olhar Indiscreto na Netflix?

Em Olhar Indiscreto, Débora Nascimento interpreta Miranda, uma hacker voyeur. Em suma, a rotina da protagonista consiste em observar a vida de Cléo (Emanuelle Araujo), mulher que mora no prédio em frente e que trabalha como prostituta de luxo.

Na trama, Cléo vai até Miranda para pedir ajuda com o seu cachorro enquanto faz uma viagem com um cliente. Neste ponto, a protagonista de Olhar Indiscreto entra para um triangulo amoroso com questões perigosas que devem mudar a sua vida.

Débora, também em conversa com jornalistas, destacou a força e a “energia sexual que faz Miranda se mover, ser proativa, ser dona da própria história”.

Ela [Miranda] sai do apartamento dela, sai de trás da câmera e dá início à história”, explicou a atriz. “Acho que a Miranda nem acessava alguns desejos, mas ela foi descobrindo conforme observava aquela mulher. Ela se conheceu através também da observação do outro”, concluiu Débora sobre Olhar Indiscreto.

Portanto, parte do projeto expressa cenas sensuais com foco nas mulheres, mas sem o olhar masculino. Por fim, Débora atribui este elemento a direção-geral de Luciana Oliveira:

“Tem ali uma cena de sexo que é linda e sensual, e é bem construída natural; não tem um olhar masculino, viciado na pornografia. É um olhar feminino sobre o desejo. São nuances mais sutis e que também são fortes”.

Todos os dez episódios de Olhar Indiscreto estão disponíveis na Netflix. A produção não terá segunda temporada, uma vez que foi concebida como minissérie.

Gostou do nosso conteúdo? Então, acompanhe a gente no Google News e não perca uma matéria do nosso site.