Livre: Onde assistir o filme online?

Imagine decidir dar um passo fora da sua zona de conforto, enfrentar trilhas desconhecidas, e embarcar numa jornada de autorreflexão. Livre (2014), dirigido por Jean-Marc Vallée e estrelado por Reese Witherspoon, nos leva exatamente a esse lugar.

Este filme, baseado nas memórias de Cheryl Strayed, oferece uma experiência cinematográfica que vai além das paisagens selvagens; é uma jornada emocional e transformadora de redescobrimento. Disponível no TOP 10 da Netflix, o filme também está presente no catálogo do Star+. Vamos explorar a aventura de Cheryl e as nuances de Livre.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

Sinopse e Trailer de Livre

A história segue Cheryl Strayed, interpretada por Reese Witherspoon, uma mulher que, após enfrentar tragédias pessoais e uma espiral autodestrutiva, toma uma decisão radical. Cheryl decide percorrer mais de mil milhas da Trilha do Pacífico, sozinha.

Sem experiência prévia em caminhadas de longa distância e carregando uma mochila que parece pesar toneladas, Cheryl busca curar feridas emocionais enquanto enfrenta os desafios físicos e mentais das vastas paisagens selvagens do oeste dos Estados Unidos.

Ficha Técnica

  • Direção: Jean-Marc Vallée
  • Roteiro: Nick Hornby (baseado no livro de Cheryl Strayed)
  • Ano: 2014
  • Gênero: Biografia, Drama
  • Duração: 115 minutos
  • Trilha Sonora: Composta por Nathan Larson
  • Elenco:
    • Reese Witherspoon: Cheryl Strayed
    • Laura Dern: Bobbi (mãe de Cheryl)
    • Thomas Sadoski: Paul (ex-marido de Cheryl)
    • Michiel Huisman: Jonathan (namorado de Cheryl)
    • Gaby Hoffmann: Aimee
    • Kevin Rankin: Greg (irmão de Cheryl)

Bilheteria e Recepção Crítica de Livre

O filme teve um custo de US$ 15 milhões, e arrecadou US$ 52,5 milhões nos cinemas. A recepção crítica de Livre foi calorosa e justificada. Reese Witherspoon recebeu aclamação generalizada por sua interpretação visceral de Cheryl, valendo-lhe uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz.

A cinematografia, capturando as vastas paisagens da Trilha do Pacífico, foi elogiada por sua beleza e imersão. A abordagem sensível de Vallée para a história de redenção de Cheryl também recebeu elogios, destacando Livre como uma obra-prima emocional que transcende os gêneros convencionais.

No Rotten Tomatoes, o filme teve uma aprovação de 88% com base em 280 avaliações críticas. De acordo com o consenso crítico, “Poderosamente comovente e emocionalmente ressonante, Livre encontra o diretor Jean-Marc Vallée e a estrela Reese Witherspoon trabalhando no auge de seus respectivos poderes”. Já no IMDb, a nota do filme é 7.1/10.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.