Legado Sombrio: História Real Por Trás da Série

A série sul-coreana de terror policial da Netflix, Legado Sombrio, mergulha os espectadores em um intrigante mistério. A trama se desenrola em torno de uma família e seu cemitério generacional. Enquanto a morte de um tio distante coloca Yoon Seo-ha no centro de uma herança inesperada, a série mistura elementos de horror sobrenatural com uma narrativa densa baseada em crimes, mantendo os espectadores à beira de seus assentos. Diante desse enredo, será que a série se baseia em fatos reais? Descubra a seguir.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

Legado Sombrio se baseia em fatos reais?

Não, Legado Sombrio não se baseia em uma história real. A série é uma obra de ficção concebida sob a escrita do cineasta Yeon Sang-ho. Em suma, ele já recebeu reconhecimento global por seu trabalho no filme ‘Train to Busan’ (2016) e na série ‘Hellbound’ (2021). Com a direção de Min Hong-nam, a trama se desenrola em torno de um cemitério familiar coreano, e aborda temas ocultistas, familiares e criminais.

A palavra coreana ‘Seon-san’, que se traduz para cemitério familiar, é o título original da série e expressa a transmissão geracional desse local especial. Embora o conceito do cemitério familiar seja peculiar à cultura coreana, o diretor Yeon acredita que a ênfase na família transcende fronteiras culturais. Logo, isso torna a série compreensível globalmente.

A série se inicia como uma exploração de família e religião, dois conceitos que Yeon considera compartilhar uma significativa semelhança. A adição de temas ocultistas serve como uma ponte entre esses conceitos, introduzindo uma perspectiva de horror à história e aprofundando a exploração das relações familiares.

Conexões com o Webtoon de Kang Tae-kyung

Embora entrevistas indiquem que Legado Sombrio é uma ideia original de Yeon, a série se baseia no popular webtoon homônimo de Kang Tae-kyung. Embora ambas as obras explorem a mesma narrativa e personagens, elas são apresentadas em formatos diferentes, sendo consideradas mais como companheiras do que uma sendo baseada na outra.

O webtoon, lançado em novembro de 2023, antecedeu parte da série, mas a segunda parte coincidiu com a estreia global da produção na Netflix. Embora haja uma conexão entre as duas mídias, ambas são obras fictícias, e a série de Yeon mantém sua singularidade, sem vínculos tangíveis com eventos da vida real.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.