James Gunn diz “não revelei nem 50% de projetos para a DC”

Estúdio deve anunciar mais projetos ao longo do ano.

Desde que assumiu como chefe da DC Studios, James Gunn ainda não parou de anunciar projetos. Além disso, o cineasta costuma ir ao Twitter com frequência para atualizar o público sobre as pretensões do estúdio. Portanto, Gunn fez uma série de Tweets para esclarecer os próximos passos dos projetos da DC. De acordo com ele, os anúncios do primeiro capítulo da DC não chegaram à metade.

Portanto, o público pode ficar tranquilo em relação ao andamento do estúdio. Conforme a fala de James Gunn, mais projetos da DC estão no radar da empresa. Apesar disso, ainda não nenhuma data oficial para novos anúncios

+ Quer ganhar um teste grátis de 1 mês no UOL PLAY?  e aproveite!

As principais mudanças da DC com James Gunn

Ao final de Janeiro, James Gunn fez as primeiras revelações em relação ao futuro da DC Studios. Com o título de Deuses e Monstros, o primeiro capítulo da empresa começa de verdade em 2025 com Superman: Legacy, Batman & Robin, Supergirl e muitas produções entre filmes e séries.

As mudanças, claro, representaram um novo rumo para a Warner Bros. Discovery e para a DC como um todo. Nomes de peso, como Henry Cavill e The Rock, não retornam para a nova fase do estúdio. Por outro lado, muitos atores estão cotados para assumir os principais personagens no elenco da DC.

A próxima fase do plano de James Gunn é anunciar boa parte do elenco da DC. Conforme outra publicação do cineasta no Twitter, os nomes devem começar a aparecer ao longo dos próximos seis meses. Portanto, o período indica muita informação para o público. Com o novo Superman sendo a revelação mais esperada entre os fãs.

Nomes que perderam espaço com a nova gestão

Na lista de demissão de atores da DC por James Gunn, Henry Cavill é o principal nome. Então intérprete do Superman, principal herói do estúdio, Cavill estava confirmado para retornar aos cinemas mais uma vez. Ele até fez uma participação especial na cena pós-crédito de Adão Negro.

Contudo, a intenção de começar um novo universo do zero inviabilizou a permanência do ator. Agora, o DCU precisa encontrar um novo nome para o papel de Superman.

Ao mesmo tempo, o estreante The Rock também compõe a lista de demissão de atores da DC. Com a promessa de inverter a hierarquia de poder do DCU, Adão Negro não conseguiu superar o fracasso comercial. Com péssimos índices de audiência, o filme sequer conseguiu uma boa estreia na HBO Max.

Além disso, o universo de James Gunn para a DC deve esperar mais tempo para apresentar alguns outros personagens. É o caso da Mulher-Maravilha de Gal Gadot, que não deve aparecer por pelo menos três anos. Assim, a atriz também não faz parte dos planos do novo DCU.

Contudo, alguns nomes ainda podem retornar. Boatos indicam que Ben Affleck conversou com James Gunn para trabalhar em outras partes da DC. Além disso, ele reprisa o papel de Batman para o filme The Flash.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Você pode cancelar, se desejar. Aceitar