Por que ‘Dead City’ quer apagar o passado deste personagem?

Os primeiros episódios de The Walking Dead: Dead City querem encontrar um novo passado para Negan (Jeffrey Dean Morgan). A série tenta resgatá-lo aos olhos dos espectadores, uma vez que ele foi o responsável pela morte de dois dos personagens mais queridos da franquia.

O primeiro episódio de ‘Dead City’ foi ao ar no 18 de junho. Até agora, a série conta com dois episódios. O programa, contudo, não está disponível ao público aqui do Brasil. Ao menos por ora, a AMC ainda não anunciou a exibição da série para os brasileiros.

Em suma, The Walking Dead: Dead City é a primeira a expandir as aventuras dos personagens centrais da franquia. Na trama, Maggie viaja a Nova York para tentar resgatar o filho mais novo, Hershel, das mãos de um inimigo até então desconhecido. A ex-líder de Hilltop une-se ao seu maior algoz da franquia, Negan, por novas jornadas que devem apresentar riscos humanos e hordas de zumbis.

Por que ‘Dead City’ quer esquecer o passado sombrio de Negan?

Negan trilhou um arco de redenção em The Walking Dead até os eventos de ‘Dead City’, primeira série derivada após o final do programa original. Contudo, boa parte do público não consegue esquecer todo o horror que o personagem causou ao aparecer pela primeira vez na sétima temporada.

Por outro lado, Negan cresceu em termos de popularidade e é, hoje, um dos personagens favoritos de boa parte do público. Algo que faz a produção de The Walking Dead investir em reformular o passado dele. A prova está em um dos mais fortes diálogos entre Negan e Maggie.

Ao conversarem sobre o Croata, Maggie afirma que “é preciso ser um monstro para criar um”. Negan, então, rebate afirmando que só era um monstro quando precisava ser. Isso sugere que o personagem escolhia escravizar pessoas e assassinar brutalmente seus inimigos como um mecanismo de proteção. Algo para manter o próprio povo seguro.

Negan não era um monstro só quando queria

Essa tendência de ‘Dead City’ ignora toda a insanidade de Negan. O personagem foi sádico em mais de uma oportunidade, com tendências psicopatas em diversos momentos. Importante lembrar que Negan forçava mulheres sobreviventes a serem as suas esposas. Elas não podiam se relacionar com nenhum outro homem. Apenas com ele.

Além disso, importante lembrar a forma como Negan costumava tratar as pessoas que capturava. Daryl Dixon, por exemplo, ficou confinado completamente nu em uma sala escura durante dias. Ele precisava conviver com as próprias necessidades e com uma música irritante.

Fora toda a brutalidade que Negan promoveu com Lucille ao longo de The Walking Dead. Por mais que ‘Dead City’ tente apagar o passado, Negan não foi um vilão qualquer para a trama. Ele não era daquela forma apenas quando precisava.

Por fim, os episódios de ‘Dead City’ vão ao ar aos domingos nos Estados Unidos.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.