Círculo de Fogo 3? Franquia terá sequência?

“Círculo de Fogo” emergiu como uma das franquias mais empolgantes do cinema de ficção científica e ação. Com uma mistura de robôs gigantescos, conhecidos como Jaegers, e monstros monstruosos chamados Kaijus, a franquia capturou a imaginação de fãs ao redor do mundo. No entanto, o destino de “Círculo de Fogo” não é certo, com uma combinação de sucessos, reveses e especulações envolvendo seu futuro.

Após o sucesso modesto do primeiro filme, considerando seu orçamento colossal, a Warner Bros. e a Legendary começaram a planejar uma sequência. O diretor Guillermo del Toro recebeu a missão de desenvolver “Círculo de Fogo 2”. No entanto, devido a conflitos de agendamento e decisões corporativas, ele optou por dirigir “The Shape of Water”, um filme que acabou vencendo o Oscar de Melhor Filme.

Del Toro explicou sua decisão, citando a venda da Legendary para uma empresa chinesa, Wanda Group, e o consequente atraso no projeto. O lançamento do 2º filme ocorreu, mas não teve o mesmo impacto, seja crítico ou comercial, que seu antecessor.

Vai ter Círculo de Fogo 3?

Houve rumores e especulações sobre a possibilidade de “Círculo de Fogo” coexistir no mesmo universo que as franquias “Godzilla” e “King Kong”. Del Toro, em seu Twitter, brincou com a ideia, mas esclareceu que estava falando apenas como fã e não tinha planos de retorno.

Steven S. DeKnight, diretor do 2º filme, revelou que havia planos ambiciosos para um “Círculo de Fogo 3”, que teria culminado em um cruzamento épico de universos, juntando os monstros e Jaegers com Godzilla e King Kong. Infelizmente, dado o desempenho do 2º filme, esses planos parecem ter sido arquivados.

Não se pode negar que o mundo do cinema é, no final das contas, um negócio. O primeiro “Círculo de Fogo” teve um desempenho sólido nas bilheteiras, arrecadando US$ 411 milhões globalmente. Porém, o alto orçamento de produção de US$ 190 milhões pesou sobre sua lucratividade. O 2º filme, por sua vez, teve um desempenho significativamente pior, rendendo apenas US$ 290 milhões mundialmente. Assim, do ponto de vista do estúdio, a produção de um terceiro filme seria uma venda difícil.

Por fim, apesar da incerteza em relação ao futuro cinematográfico de “Círculo de Fogo”, a franquia ainda tem vida. Em 2021, a Netflix lançou uma série animada chamada “Círculo de Fogo: The Black”, que foi bem recebida e ganhou uma renovação para uma segunda temporada. Além disso, a Legendary lançou vários quadrinhos baseados no universo de “Círculo de Fogo”.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.