CEO da Netflix diz que filmes não precisam das telonas

Em uma entrevista recente ao New York Times, Ted Sarandos, co-CEO da Netflix, desafiou as convenções tradicionais da indústria cinematográfica. Em suma, ele afirmou que filmes de sucesso, como “Barbie” e “Oppenheimer”, teriam atraído audiências massivas mesmo no streaming.

+ Quer ganhar um teste de até 1 MÊS GRÁTIS DE STREAMING? CLIQUE AQUI e aproveite!

Sobre o comentário do CEO da Netflix

Sarandos rejeitou a noção de que o tamanho da tela impacta o sucesso de um filme. Ele afirma que “não há razão para acreditar que o filme em si é melhor em qualquer tamanho de tela”. Essa afirmação controversa vem na esteira do sucesso de bilheteria de ambos os filmes, com “Barbie” arrecadando US$ 1,44 bilhão globalmente e “Oppenheimer” faturando US$ 951 milhões.

O lançamento simultâneo desses dois filmes resultou no fenômeno cultural conhecido como ‘Barbenheimer’, destacando o poder da Netflix em competir com os cinemas tradicionais. Sarandos afirmou que ambos os filmes seriam igualmente bem-sucedidos na Netflix, desafiando a ideia de que os filmes de sucesso são mais adequados para os cinemas devido à experiência imersiva oferecida por telas maiores.

Ao discutir a adaptação do conteúdo em diferentes formatos de exibição, Sarandos mencionou que até mesmo clássicos antigos estão sendo consumidos em dispositivos menores, como telefones celulares, pelo público mais jovem. Ele observou o exemplo de seu próprio filho, que assistiu “Lawrence da Arábia” em seu telefone.

Sobre a saída de Scott Stuber

A saída de Scott Stuber como presidente do cinema não afetará a direção estratégica da Netflix. Sarandos reafirmou o compromisso da plataforma com uma mistura diversificada de filmes de primeira janela, segunda janela e catálogo profundo. Ele destacou que a Netflix continua comprometida em entreter o mundo com seu conteúdo original e diversificado.

A entrevista de Sarandos ao New York Times ressalta a mudança de paradigma na indústria do entretenimento. E nisso, a Netflix desempenha um papel central na redefinição do sucesso cinematográfico e na maneira como o público consome filmes. Com sua capacidade de alcançar audiências globais e sua abordagem inovadora, a Netflix continua a desafiar as normas estabelecidas e a moldar o futuro do entretenimento digital.

Gostou do nosso conteúdo? Acompanhe-nos no Google News e não perca nenhuma notícia.